Câmara de Santa Bárbara regulariza diárias e carros oficiais

Após descoberta de crimes de corrupção praticados por parte de vereadores de Santa Bárbara, a Câmara Municipal resolveu dar transparência a dados antes mantidos em sigilo. Deflagrada em julho deste ano pela Polícia Civil, a operação Apolo 13 prendeu dez pessoas, entre elas o presidente da Câmara, Juarez Camilo Carlos, e outros três vereadores, além de servidores e um empresário, sendo que outro empresário se encontra foragido da Justiça.
As investigações apontaram para esquemas de fraudes em licitações, desvio de dinheiro público e superfaturamento em obras. Para melhorar a imagem, o portal da Câmara Municipal de Santa Bárbara passou a disponibilizar informações sobre o uso de veículos oficiais e diárias pelos vereadores. Segundo o Legislativo, com o novo sistema qualquer cidadão pode saber o roteiro, os horários de chegada e saída, o motorista responsável, as quilometragens de saída e chegada e quem solicita o carro oficial.
Em outubro, os vereadores de Santa Bárbara já tinham aprovado uma resolução que regulamentou o uso de veículos. Na parte das diárias, onde era disponibilizado apenas os valores pagos aos requerentes, agora é possível conferir também o relatório de viagem detalhado, do que foi feito pelo requerente e os horários de saída e chegada.
Outra novidade no site é a publicação dos projetos de lei do Legislativo e do Executivo, anteprojetos, requerimentos, indicações, portarias e resoluções, agora de fácil visualização. A Câmara Municipal também passa a mostrar balancetes mensais e anuais, além de detalhamento de salários pagos aos servidores e aos vereadores, despesas com cartão alimentação e relatório de gestão fiscal.
O presidente interino da Câmara, vereador Carlos Augusto Bicalho Fonseca “Guto” disse que as novas ferramentas visam a dar transparência e respeito pelo cidadão.
*Leonel Marques

Comentário

Comentários estão fechados

....

Veja também: