A Câmara Municipal de Barão de Cocais aprovou Moção de Solidariedade e Pesar pelo falecimento do metalurgista e professor Autacílio Moreira de Souza, 86 anos de idade, ocorrido na semana passada. Na ocasião foi solicitado um minuto de silêncio em sua homenagem e a inserção dessa manifestação na ata dos trabalhos do Legislativo cocaiense. O professor Autacílio Moreira de Souza, conhecido popularmentre pelo apelido carinho do “Cici”, nasceu em Barão de Cocais, no povoado de Socorro, berço da civilização do município, no dia 14 de junho de 1933. Fez os estudos primários na Escola Municipal Mestre Quintão, em Socorro e cursou o ginásio e curso Técnico de Contabilidade na Escola Técnica e Comercial de Barão de Cocais onde mais tarde atuou como professor e diretor do Instituto Cultural Gercina Roscoe. Era muito atuante na áreas de esportes, sendo massagista e diretor do clube Metalusina Esporte Clube e presidente do Flamengo Esporte Clube por três mandatos. O metalurgista Autacílio era aposentado pela empresa Cimetal Siderurgia (CBUM, atual Gerdau) onde trabalhou por 38 anos. Ele ingressou na Usina Barão de Cocais como auxiliar de Enfermagem em 1950, na idade de 17 anos e aposentou -se em 1988 na empresa como chefe de Divisão da Aciaria LD. Casou-se na Igreja Católica de Barão de Cocais no dia 15 de julho de 1967 com a professora Cordélia Dias Souza, que mais tarde o convenceria a converter-se à religião Metodista. O casal teve cinco filhos: Adriane, Cristiane, Regiane, Welington e Frederico, atual diretor jurídico da Câmara Municipal de Barão de Cocais. Dos filhos do casal, nasceram oito netos: Marianne, Marinna, Felipe, Júlia, Samuel, Helena, Pedro Henrique e Lucas. O velório do professor Autacílio foi na igreja Metodista, quando comparecem os familiares, amigos, que ele amealhou ao longo dos seus 86 anos de idade, comemorados no dia 14 de junho. Foi sepultado no cemitério São João Batista, em Barão de Cocais.
*Leonel Marques, de Barão de Cocais