A Festa é uma tradição de mais de dois séculos

No Seridó potiguar, há 272 anos se celebra o Dia de Sant’Ana em uma grande manifestação popular. A festividade se inicia na quinta-feira que antecede o dia da santa católica, 26 de julho, e se estende até o domingo subsequente, reunindo multidões de devotos na cidade de Caicó (RN). Em 2020, no entanto, assim como aconteceu com diversas outras celebrações tradicionais da cultura brasileira, a tão aguardada Festa de Sant’Ana de Caicó precisou se adaptar e será realizada de forma virtual.

Sem perder os ritos e as tradições da festa religiosa registrada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como Patrimônio Cultural do Brasil, a Paróquia e a Diocese de Sant’Ana adaptaram a programação, tomando todos os cuidados e precauções necessárias para evitar a transmissão do novo coronavírus. Assim, desde o dia 1º de junho vem ocorrendo a peregrinação virtual com as famílias devotas e no próximo dia 22 de julho, a Festa de Sant’Ana de Caicó 2020 se inicia oficialmente. Trazendo como tema a fé e a devoção à Sant’Ana como força e suporte diante das dificuldades, a celebração segue até o dia 02 de agosto, por meio de transmissões ao vivo, feitas por rádio, televisão e internet.

Festa de Sant’Ana de Caicó
A celebração à Sant’Ana é um bem cultural de alta importância para os sertanejos do Rio Grande do Norte, que recebem em sua terra, durante o período da festa, devotos de todos os cantos do Brasil em uma grande troca de cultura e fé. O evento agrega diversos elementos da cultura local reunidos em torno de lugares sagrados, como o poço de Sant’Ana e a própria Catedral, misturando diversos rituais religiosos, profanos e manifestações do Seridó potiguar.