O IPC-S de 15 de julho de 2020 subiu 0,56%, ficando 0,06 ponto percentual (p.p.) acima da taxa divulgada na última apuração. Quatro das sete capitais pesquisadas registraram acréscimo em suas taxas de variação.
Quadro com variações por capital

A tabela a seguir, apresenta as variações percentuais dos municípios das sete capitais componentes do índice, nesta e nas apurações anteriores.

O IPC-S da cidade de São Paulo (IPC-S/São Paulo) de 15 de julho de 2020 subiu 0,60%, ficando 0,25 ponto percentual (p.p) acima da taxa registrada na última divulgação.

Nesta edição, seis das oito classes de despesa componentes do índice apresentaram aceleração em suas taxas de variação, entre as quais se destacam os grupos: Educação, Leitura e Recreação e Habitação, cujas taxas passaram de 0,16% para 1,14%, e de 0,08% para 0,52%, respectivamente.
Quadro com variações por classe de despesas em São Paulo