Previsão para o Inverno em cada região do Brasil

  

Foto de pessoas agasalhadas
O solstício de inverno no Hemisfério Sul acontece à 00h32 do dia 21 de junho e se estende até 16h21 de 22 de setembro, quando terá início a primavera. A data e horário do início e fim das estações do ano é definida por cálculos astronômicos e não pela Meteorologia.

Nem sempre as alterações características do padrão climático de cada estação coincidem com a mudança astronômica de uma estação para outra. Assim, dizer que o inverno no Hemisfério Sul começa no dia 21 de junho, não significa que grandes e fortes ondas de frio vão dominar o país nas próximas semanas.

Previsão para o inverno 2021 para as Regiões do Brasil

Região Sul
O inverno começa com temperatura alta na faixa norte da Região (PR), mas com o passar das semanas a frequência de massas de ar polar vai aumentando e o frio vai ganhando força. A previsão indica temperaturas inferiores ao que normalmente se observa para o período. A chuva será frequente, como é comum nesta época. Porém os volumes devem ficar abaixo da média histórica.

Região Sudeste
Assim como em 2020, o inverno de 2021 tende a ser mais quente que a média no Sudeste do país. Apesar disso, algumas massas de ar frio são esperadas ao longo da estação, derrubando a temperatura especialmente entre SP e o Sul de Minas. São esperados dias de sol forte e temperatura alta para a época do ano intercalados com entradas de massas de ar polar. O frio não deve ser persistente e logo o sol volta a aparecer. É o período seco na maior parte da região e a chuva ainda deve ficar abaixo da média.

Região Centro-Oeste
A maior parte dos dias durante o inverno será de tempo aberto, com sol forte e temperaturas altas, como é comum na região. É o período seco, então a chuva já não é esperada. Apenas no MS ainda ocorrem algumas pancadas de chuva pela influência de frentes frias mais continentais. Algumas massas de ar frio conseguem chegar até as capitais de MS, MT e poucas conseguem chegar a Goiânia e Brasília , onde a temperatura fica bastante estável ao longo da estação. Há risco para ocorrência de eventos de geada no MS, mas no sul de GO é menos provável.

Região Nordeste
A chuva ainda é frequente na costa leste e norte da região no início da estação, mas diminui de intensidade com o passar dos meses. Há indicações de que as chuvas fiquem abaixo da média, principalmente entre o Rio Grande do Norte e Paraíba. O calor também aumenta ao longo do período, especialmente na faixa mais ao sul, onde a temperatura deve ficar acima da média histórica. No interior, o tempo seco e quente predomina e não há expectativa de chuva.

Região Norte
No geral, a região apresenta chuva acima da média, embora o volume de chuva não seja muito significativo, pois é de se esperar um trimestre mais seco. Especialmente no extremo norte a chuva é bem regular, com volumes elevados para a época do ano. No centro-sul, o tempo seco predomina, com vários dias de sol, tempo aberto e temperatura até acima da média.

Durante o inverno de 2021, poucas massas de ar frio conseguem chegar ao sul da região e provocar eventos de friagem em RO, no AC e no sul do AM.
*Fonte: Climatempo