Foto de navio de cruzeiro

A Associação Internacional de Cruzeiros (CLIA /Brasil) divulgou nesta quarta-feira (16/10 estudo anual da entidade que registrou 293 mil embarques de turistas brasileiros em navios na costa do país entre janeiro e junho deste ano, um aumento de 21% em relação ao mesmo período em 2018. Outro dado divulgado foi o de que 402 mil brasileiros embarcaram em cruzeiros dentro e fora do país no primeiro semestre de 2019, um aumento de 16,1% em comparação com os 346 mil do mesmo período em 2018.

Durante a temporada 2018/2019, 7 navios operaram na costa brasileira durante 841 dias (5,4% a mais que na temporada anterior), transportando um número total de, aproximadamente, 462 mil cruzeiristas.

O número de navios na temporada brasileira de cabotagem começou a ser reduzido na temporada 2011/2012 (o pico foi em 2010/2011 com 20 navios), até atingir o total de 7 navios em 2016/2017, número mantido até a atual temporada. O setor vem reagindo desde então aumentando a eficiência dos navios e roteiros, por exemplo, aumentando o número médio de cruzeiristas por navio por temporada. Oo número médio de cruzeiristas por navio por temporada, com crescimento entre as temporadas 2017/2018 e 2018/2019 de 10,5%, reforçando o argumento da evolução positiva da eficiência nos cruzeiros no Brasil.

No Brasil, a temporada 2019/2020 de cruzeiros receberá oito navios, um a mais do que a temporada passada, trazendo 531.121 leitos que serão divididos por 144 roteiros e 575 escalas. A temporada 2018/2019 foi responsável por um impacto econômico de R$ 2,083 bilhões na economia do país, gerando 31.992 postos de trabalho.

A temporada de cruzeiros no Brasil vai de novembro a abril e a CLIA espera que a popularidade das viagens entre os brasileiros cresça ainda mais. “Para acompanhar esse rápido crescimento, o Brasil tomou medidas significativas para receber navios em novos portos, aumentando a capacidade e melhorando a experiência geral dos viajantes”.
*Com informações do Ministério do Turismo