A equipe feminina do São Paulo empatou com o Cruzeiro por 1 a 1 e garantiu o título do Brasileiro 2019, em Belo Horizonte, neste domingo (25). O gol das mineiras foi marcado por Duda, que foi a artilheira do clube na competição. Ottilia deixou tudo igual e assegurou o título para as paulistas.

Depois de perder por 4 a 0 no jogo de ida, o Cruzeiro precisou partir para cima na volta. Desde o começo, a Raposa tentou encontrar espaços na defesa são-paulina, muito bem segura pelo trabalho incansável de sua dupla de zaga, formada por Bruna e Thaís. Mas a insistência foi recompensada ainda no primeiro tempo.

Após grande jogada, Miriã foi derrubada por Bruna dentro da área. Pênalti para o Cruzeiro. Na primeira chance, Duda parou na grande defesa da goleira Carla. A arbitragem, no entanto, identificou que ela não estava sobre a linha do gol e mandou repetir a cobrança. Na segunda, Duda bateu firme e colocou o Cruzeiro em vantagem.

Logo após o gol, as Celestes cresceram na partida. A pressão em busca do segundo parou na trave, após finalização de Kim. O São Paulo resistiu até o intervalo, e voltou bem mais forte para o segundo tempo.

Bastou pouco tempo para o Tricolor jogar um balde de água fria nos planos do Cruzeiro. Aos sete do segundo tempo, após cruzamento na área, a atacante Ottilia deixou tudo igual de cabeça. Com o empate, o jogo ficou mais morno e as chances de gol diminuíram para os dois lados.
*Fonte: CBF