Foto de cena do filme Filme Meu Bebbê

O Ministério da Justiça e Segurança Pública divulga os filmes que estreiam nos cinemas do Brasil nesta semana, com as respectivas classificações indicativas

A última chance [A última chance, Brasil, 2017], de Paulo Thiago (Europa). Gênero: drama. Elenco: Marco Pigossi, Juliana Lohmann, Aramis Trindade. Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos.

Velozes e furiosos – Hobbs e Shaw [Fast & furious presents Hobbs & Shaw, Estados Unidos da América, 2018], de David Leitch (Universal). Gênero: ação. Elenco: Dwayne Johnson, Jason Statham, Idris Elba. 3D/ Imax. Classificação: Não recomendado para menores de 14 anos.

A última loucura de Claire Darling [La Dernière Folie de Claire Darling, França, Bélgica, 2018], de Julie Bertuccelli (A2 Filmes). Gênero: drama. Elenco: Catherine Deneuve, Chiara Mastroianni, Alice Taglioni. Classificação: Não recomendado para menores de 12 anos.

No coração do mundo [No coração do mundo, Brasil, 2018], de Gabriel Martins, Maurilio Martins (Embaúba Filmes). Gênero: drama. Elenco: Kelly Crifer, Leo Pyrata, Grace Passô. Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos.

Abaixo a gravidade [Abaixo a gravidade, Brasil, 2019], de Edgar Navarro (Fênix Filmes). Gênero: drama. Elenco: Everaldo Pontes, Rita Carelli, Bertrand Duarte. Classificação: Não recomendado para menores de 16 anos.

Meu bebê [Mon bébé, França, Bélgica, 2019], de Lisa Azuelos (Bonfilm). Gênero: comédia dramática. Elenco: Sandrine Kiberlain, Thaïs Alessandrin, Victor Belmondo. Classificação: Não recomendado para menores de 14 anos.

As rainhas da torcida [Poms, Estados Unidos da América, 2019], de Zara Hayes (Diamond Films). Gênero: comédia. Elenco: Diane Keaton, Pam Grier, Charlie Tahan. Classificação: Não recomendado para menores de 12 anos.

Os dois filhos de Joseph [Deux fils, França, 2018], de Félix Moati (Pandora Filmes). Gênero: comédia dramática. Elenco: Vincent Lacoste, Benoît Poelvoorde, Mathieu Capella. Classificação: Não recomendado para menores de 14 anos.
A classificação é exercida pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública de acordo com normas da Constituição Federal e do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O objetivo é proteger crianças e adolescentes de possíveis danos causados pela exposição a conteúdos inadequados para suas faixas etárias, seja na TV, no cinema ou nos jogos eletrônicos.